Iluminação na área externa valoriza o ambiente

21/03/2016 - 21h42 - Atualizado em 21/03/2016 - 21h42
Autor: Paula Gama | [email protected]

A fachada e o paisagismo do imóvel ganham vida diante dos holofotes certos

Um projeto de iluminação bem-feito tem o poder de valorizar, e muito, a arquitetura e a decoração. Uma área externa iluminada da maneira correta, além de trazer segurança para os moradores, realça o investimento feito pelo proprietário em fachada, piscina e espaços de convivência.

Para as arquitetas Nathália Otoni e Luciana Araújo, do escritório Óbvio Arquitetura, um bom projeto valoriza a fachada e o paisagismo do local. “No muro, o uso de arandelas proporciona um belo efeito estético. As luminárias de piso, também chamadas de balizadores, além de serem um charme, marcam o caminho até a residência. Quando se tem uma parede com textura ou pintura diferentes, as luminárias embutidas no piso são bacanas, pois destacam e valorizam o recurso. No paisagismo, quando a vegetação é de médio porte, é possível usar espeto de jardim, que tem um custo super acessível”, explica Nathália.

No ambiente de Sérgio Palmeira, luzes nas paredes  criam  clima de sofisticação

No ambiente de Sérgio Palmeira, luzes nas paredes criam clima de sofisticação

Na hora de escolher as lâmpadas, a preferência pelo uso de LED é comum entre todos os arquitetos. Além da economia que proporciona, o material moderno é oferecido em diferentes tonalidades. “Também é possível economizar aproveitando os recursos do projeto. Por exemplo, quando trabalhamos com iluminação refletida em alguma superfície há mais luminosidade, consequentemente, são necessárias menos lâmpadas. Quanto mais clara é a superfície, mais dá para economizar”, informa a arquiteta Najla El Aouar.

Escolher a temperatura e a direção das luzes que serão instaladas no lado de fora da casa também é muito importante. O designer de interiores, Sérgio Palmeira, explica que assim como no interior da residência, é preciso criar um ambiente aconchegante para despertar nos convidados e moradores desejo de passar um tempo nele.

É importante saber que a iluminação direta pode ofuscar a visão e se tornar desconfortável aos olhos. Por outro lado, a luz difusa é capaz iluminar sem cansar. “Escolher luminárias com cúpulas em globo é uma boa forma de deixar o facho de luz indireto”, orienta Najla.


PUBLICIDADE

Classificadões A Gazeta Copyright 2014. Todos os direitos reservados.