Gol completa 35 anos e ainda tem muitos admiradores

15/06/2015 - 21h31 - Atualizado em 26/06/2015 - 19h14
Autor: Lui Lima Machado | [email protected]

Líder de vendas por muitos anos, modelo é bem equipado e tem manutenção barata

Há 35 anos, a Volkswagen lançou a primeira versão daquele que viria a ser o principal carro da marca no Brasil. O Gol foi, durante muito tempo, o veículo mais vendido do país. Em sua quinta geração, o hatch passa por um momento de reflexão e perdeu terreno para a concorrência.

O modelo acumula 8,7 milhões de unidades produzidas, 7,7 milhões feitas no Brasil. Hoje, possui um total de seis versões. A Special é a de entrada, com motor 1.0, que custa R$ 30.930. A topo de linha é a Highline 1.6, que sai por R$ 56.850, com câmbio automatizado.

Segundo o gerente de vendas da Vitoriawagen, Fabio Santório, o grande diferencial do Gol é a tecnologia presente no veículo. “Ele tem equipamentos e itens de série de carros de ponta”, argumenta. Comando de volante e computador de bordo são alguns exemplos.

Santório acredita que o Gol reúne características valorizadas pelos brasileiros. “É um carro que tem economia e versatilidade, além de performance”, analisa.

O Gol ainda desperta paixões nos consumidores, como o administrador de empresas Thiago Petrocchi, que possui um modelo G5 1.0. Ele aprendeu a dirigir no modelo de 1986 do pai. “Sempre tive Gol, por causa do design e pela facilidade de conseguir peças e manutenção barata”, conta.

O estudante de Odontologia Gabriel Muniz é outro cuja família é repleta de Gols, desde o modelo 1992 do pai, ao G6 dele. “É um dos mais simples de fazer mudanças. Qualquer coisa fica bonito”, ressalta.


PUBLICIDADE

Classificadões A Gazeta Copyright 2014. Todos os direitos reservados.